Torneios de games no Brasil já pagam mais de R$ 10 milhões em prêmios

Torneios de games no Brasil

Torneios de games no Brasil têm gerado retorno financeiro cada vez mais promissor

Muitos se questionam ainda se dá para ficar milionário jogando videogame. E a resposta é sim! Prova disso é que o Brasil tem sido um país cada vez mais promissor neste sentido.

Torneios de games no Brasil

Em 2019, o jogador Nobru foi o campeão mundial do jogo Free Fire e, o acúmulo de prêmios mais os negócios e investimentos do atleta já ultrapassam a casa do milhão mensal.

No dia 16 de abril acontecerá a final de uma das fases da Liga Brasileira de Free Fire (LBFF), mesma modalidade onde Nobru se consagrou. Para se ter uma ideia a premiação total em 2022 da LBFF deve ultrapassar R$ 2 milhões. Já o crescimento desse valor tem sido considerável nos últimos anos.

Além disso, mundialmente falando, o campeonato que já distribuiu o maior prêmio é o mundial de Dota 2 que, só em 2021, pagou o correspondente a R$ 90 milhões somente em prêmios.

No Brasil

No Brasil, há um mercado consumidor importante de jogos eletrônicos hoje. Segundo a NewZoo, por exemplo, o país foi a terceira maior audiência do Campeonato de League of Legends e está no TOP 10 do maior número de telespectadores dos games eletrônicos. Em 2019, apenas a indústria de e-sports teve receita de US$ 1 bilhão, e a estimativa é de que, até 2024, esse valor anual seja de US$ 1,6 bilhão.

Mais campeonatos

Confira abaixo quatro grandes campeonatos brasileiros

Liga Brasileira de Free Fire (LBFF)

Já é um dos maiores games do mundo, com mais de 150 milhões de jogadores ativos e uma audiência relevante no Brasil. E inclusive com a formação de campeões mundiais como o Nobru, o Free Fire. No último domingo (10), o torneio distribuiu R$ 745 mil somente na primeira rodada. Em todo ano, a estimativa é ultrapassar R$ 2 milhões em prêmios.

Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLOL)

O CBLOL, um dos mais tradicionais torneios de e-sports do Brasil. Paga mais de R$ 1 milhão em prêmios ao ano, com temporadas que podem ultrapassar os R$ 400 mil. No mundo, o League of Legends, jogo de propriedade da Riot Games, possui mais de 180 milhões de jogadores.

Six Invitational

Só em 2021, o Brasil respondeu por 38% dos aproximados R$ 16 milhões em prêmios pagos pelo Six Invitational, campeonato mundial do Rainbow Six: Siege. Em especial, essa marca já foi a maior alcançada por equipes brasileiras em cenários competitivos.

Campeonato Brasileiro de Counter-Strike (CBCS)

Por fim, o circuito brasileiro de Counter Strike distribuiu, no ano passado, uma premiação total de R$ 200 mil com seis campeonatos. Eles ocorrem entre abril e dezembro. Mas, grande parte do prêmio fica concentrado ao CBC Finals.

*Foto: Reprodução

Outras postagens

Postagens relacionadas

Últimas postagens

ANS participa de iniciativa sobre IA

ANS participa de projeto que desenvolverá soluções digitais para melhoria da qualidade e do custo de serviços públicos A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS)...

Healthtech Laura e a transformação digital

Healthtech Laura se alinha a era da transformação, trazendo benefícios para a sociedade e comunidade médica, ao fornecer insumos valiosos para tomada de decisão...

Helicópteros espaciais em Marte: Nasa comenta o envio

Helicópteros espaciais em Marte, segundo afirmação da Agência Espacial Norte Americana, aeronaves são inspiradas no modelo Ingenuity e serão enviadas para a superfície do...