Montadora com melhor desempenho no programa de carro popular

Montadora com melhor desempenho

Montadora com melhor desempenho foi a Fiat, com um primeiro mês melhor que as demais empresas

A corrida entre as montadoras para aproveitar ao máximo o desconto em tributos que o governo concedeu ao setor já tem um vencedor. A Fiat saiu na frente dentre as demais empresas. Neste caso, a marca italiana foi a que mais elevou as vendas para o consumidor pessoa física em junho. Além disso, ainda reconquistou a liderança do mercado de automóveis no varejo, que em maio havia ficado com a Volkswagen.

Porém, vale destacar que também é preciso ter calma na hora do financiamento de um automóvel para não correr o risco lá na frente de se endividar, explica O Solucionador, empresa especializada em negociação bancária.

Montadora com melhor desempenho

No mês passado, a Fiat foi a montadora com melhor desempenho desde que o programa de carro popular foi lançado. A empresa emplacou 19,8 mil veículos leves (entre automóveis e comerciais leves) em vendas para PF. Isso corresponde a um aumento de 48,8% em comparação a maio, ritmo três vezes maior que o do mercado, que teve avanço de 17,1% nesse recorte. Já as principais concorrentes da Fiat, a Volkswagen e a GM, tiveram expansões mais tímidas, de 24,1% e 4,5%, respectivamente. Mesmo assim, o trio domina o pódio de marcas no mercado brasileiro há anos. Em junho, a Fiat alcançou market share de 19,5% no segmento de leves para o varejo, enquanto a Volks ficou com 14,7% e a GM, 13,1%.

Guerra de preços

Desde que o governo lançou o programa de incentivo com descontos em tributos para veículos de até R$ 120 mil, era esperado que as montadoras entrassem em uma guerra de preços para atrair a demanda que seria criada, uma vez que o subsídio é limitado a no máximo R$ 500 milhões, valendo inicialmente apenas para o consumidor pessoa física, por um período de 15 dias, depois renovado por mais 15. Portanto, quem não entrasse nessa perderia uma grande oportunidade de negócios.

Mobi

Diante deste cenário, no caso da Fiat, o veículo que mais aproveitou a iniciativa do governo foi o Mobi. Além disso, o modelo de entrada da montadora no Brasil e substituto do antigo Uno, viu as vendas crescerem 168% em junho ante maio. O automóvel, que no mês anterior havia sido o 20º mais vendido do Brasil no varejo, pulou para a sétima posição em junho, com 4 mil emplacamentos.

*Foto: Reprodução/Flickr (Marcos Acosta – flickr.com/photos/marcos_cn/31726469096)

Outras postagens

Postagens relacionadas

Últimas postagens

Murillo Vianna retorna à gestora Angra Partners

O executivo, que já operou em casos de reestruturação, chega para fortalecer a área de venture capital da empresa No último mês, segundo informações apuradas...

Vinícola urbana de Florença se destaca por sua liderança feminina

Vinícola urbana de Florença é a primeira neste segmento na região; conheça mais sobre o empreendimento da cidade italiana Uma das cidades mais importantes da...

Renato Conill comenta as principais categorias do automobilismo

O ex-piloto gaúcho comenta as divisões do esporte e sua variedade de experiências para pilotos e fãs Segundo o estatuto da Confederação Brasileira de Automobilismo...